PM SP EDITAL ABERTO PARA O CURSO DE FORMAÇÃO DE OFICIAIS (BARRO BRANCO), SÃO 270 VAGAS!!! SALÁRIO DE 6 MIL!!


PM SP EDITAL ABERTO PARA O CURSO DE FORMAÇÃO DE OFICIAIS (BARRO BRANCO), SÃO 270 VAGAS!!! SALÁRIO DE 6 MIL!!

Na madrugada do dia 14 de Agosto, a Policia Militar de São Paulo, através da Diretoria de Pessoal, tornou pública a abertura das inscrições para realização de concurso público e estabelece normas específicas destinadas a selecionar candidatos, do sexo masculino e feminino, visando ao provimento de 270 (duzentos e setenta) cargos de Aluno-Oficial PM.

As inscrições deverão ser realizadas somente pela INTERNET, no site www.vunesp.com.br, no período das 10h00 de 27 de agosto de 2018 às 23h59 de 24 de setembro de 2018.
O candidato poderá realizar o pagamento da taxa de inscrição até o 1º dia útil subsequente ao término do período das inscrições. Para inscrever-se, o candidato deverá, no período das inscrições:
  • acessar o site www.vunesp.com.br;
  • localizar no site o “link” correlato ao concurso público;
  • ler total e atentamente o respectivo Edital e preencher corretamente a ficha de inscrição
  • O valor da taxa de inscrição é de R$ 130,00.
 Os exames de Conhecimento (Partes I e II), deverão ser realizados em um dos seguintes municípios:
  • Araçatuba;
  • Bauru;
  • Campinas;
  • Piracicaba;
  • Presidente Prudente;
  • Ribeirão Preto;
  • Santos;
  • São José do Rio Preto;
  • São José dos Campos;
  • São Paulo;
  • Sorocaba.
Conforme disposto na Lei Complementar nº 731/93, com alterações da Lei Complementar nº 1.317/18, a remuneração básica inicial para o cargo de Aluno-Oficial PM é de R$ 3.095,88 (três mil e noventa e cinco reais oitenta e oito centavos), sendo que as parcelas que a compõem são: padrão no valor de R$ 1.202,12 (mil, duzentos e dois reais e doze centavos), Regime Especial de Trabalho Policial (RETP), previsto na Lei nº 10.291/68, no valor de R$ 1.202,12 (mil, duzentos e dois reais e doze centavos) e insalubridade, prevista na Lei Complementar nº 432/85, com alterações da Lei Complementar nº 1.179/12, no valor de R$ 691,64 (seiscentos e noventa e um reais e sessenta e quatro centavos).
As atribuições do cargo de Aluno-Oficial PM são: gestão e comando de pessoas e análise e administração de processos, por intermédio da utilização ampla de conhecimentos na busca de soluções para os variados problemas pertinentes às atividades jurídicas e administrativas de preservação da ordem pública e de polícia ostensiva, em conformidade com a filosofia de polícia comunitária e direitos humanos, além de outras definidas em lei, por intermédio da conclusão com aproveitamento do Bacharelado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, destinado a formar, com solidez teórica e prática, o profissional ocupante do posto inicial de Oficial.

REQUISITOS
  • ser brasileiro;
  • ter idade mínima de 17 (dezessete) anos;
  • ter idade máxima de 30 (trinta) anos de idade, exceto para o candidato pertencente aos quadros da Polícia Militar do Estado de São Paulo;
  • ter estatura mínima, descalço e descoberto, de: 
  • 155 cm (cento e cinquenta e cinco centímetros), se mulher;
  • 160 cm (cento e sessenta centímetros), se homem;
  • haver recolhido a taxa de inscrição prevista neste Edital.
  • O candidato ao ingresso poderá apresentar tatuagem, exceto quando:
  • divulgar símbolo ou inscrição ofendendo valores e deveres éticos inerentes aos integrantes da Polícia Militar;
  • fizer alusão a:
  • ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas ou que pregue a violência ou a criminalidade;
  • discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem;
  • ideia ou ato libidinoso;
  • ideia ou ato ofensivo aos direitos humanos.
O ingresso na Polícia Militar do Estado de São Paulo, no QOPM, se dá com o provimento no cargo inicial de Aluno-Oficial PM, por meio de concurso público de Provas, composto das seguintes etapas:
Exames de Conhecimentos, que serão divididos em:
  • Prova Objetiva (Parte I), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar o conhecimento do candidato para o desempenho das atribuições;
  • Prova Dissertativa (Parte II), de caráter eliminatório e classificatório, visa avaliar a capacidade do candidato de produzir uma redação que atenda ao tema e ao gênero/tipo de texto propostos, além de seu domínio da norma culta da língua portuguesa e dos mecanismos de coesão e coerência textual.
  • Exames de Aptidão Física, de caráter eliminatório, visam avaliar o desempenho físico do candidato, que deverá obedecer aos padrões exigidos para o cargo.
  • Exames de Saúde, de caráter eliminatório, os quais visam avaliar as condições de saúde do candidato;
  • Exames Psicológicos, de caráter eliminatório, visam identificar características de personalidade, aptidão, potencial e adequação do candidato ao perfil psicológico estabelecido para o cargo;
  • Avaliação da Conduta Social, da Reputação e da Idoneidade, de caráter eliminatório, visa à apreciação da conduta social, reputação e idoneidade do candidato, em sua vida pregressa e atual em todos os aspectos da vida em sociedade, quer seja social, moral, profissional, escolar, quanto à compatibilidade para o exercício do cargo;
  • Análise de Documentos, de caráter eliminatório, tem por finalidade analisar os documentos apresentados pelos candidatos para comprovação dos requisitos e condições para ingresso
A Prova Objetiva (Parte I), com duração de 4 (quatro) horas, constará de 80 (oitenta) questões de múltipla escolha com cinco alternativas cada uma, sendo apenas uma alternativa correta:
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias - 26 (vinte e seis) questões, sendo:
    • História: 8 (oito) questões;
    • Filosofia: 5 (cinco) questões;
    • Sociologia: 5 (cinco) questões;
    • Geografia: 8 (oito) questões;
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias – 34 (trinta e quatro) questões, sendo:
    • Língua Portuguesa e interpretação de texto: 28 (vinte e oito) questões;
    • Língua Inglesa ou Espanhola: 6 (seis) questões;
    • Matemática: 10 (dez) questões;
    • Noções de Administração Pública: 5 (cinco) questões;
    • Noções Básicas de Informática: 5 (cinco) questões.
  • A Prova Dissertativa (Parte II), com duração de 2 (duas) horas, será composta de uma redação, na qual se espera que o candidato produza uma dissertação em prosa na norma-padrão da língua portuguesa, a partir da leitura de textos auxiliares, que servem como um referencial para ampliar os argumentos produzidos pelo próprio candidato. Ele deverá demonstrar domínio dos mecanismos de coesão e coerência textual, considerando a importância de apresentar um texto bem articulado. 
Ao término do curso, o Aluno-Oficial se torna aspirante a Oficial, e após 6 meses, se torna Tenente da Polícia Militar, com salário de mais de 6 mil reais mensais.

DETALHES:
⦁    Concurso: Aluno-Oficial PM SP (BARRO BRANCO);
⦁    Banca Organizadora: Vunesp;
⦁    Cargo: Aluno-oficial;
⦁    Escolaridade: Nível médio;
⦁    Número de vagas: 270;
⦁    Remuneração: R$ 6 mil após formado;
⦁    Inscrições: entre 27 de outubro e 24 de setembro de 2018;
⦁    Taxa de Inscrição: R$ 130,00;
⦁    Provas: 18 de Novembro de 2018;
⦁    Situação: ABERTO
Link para o edital: EDITAL

Enviar um comentário

0 Comentários