NOVO CONCURSO BANCO CENTRAL! SALÁRIOS PODEM CHEGAR ATÉ R$17.788,33.


NOVO CONCURSO BANCO CENTRAL! SALÁRIOS PODEM CHEGAR ATÉ R$17.788,33.

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) ainda analisa o novo pedido de concurso do Bacen encaminhado no dia 30 de maio. No total, o órgão solicitou 220 oportunidades para o seu quadro de pessoal - número bem inferior ao requerimento anterior, que era de 990 vagas.
Das oportunidades pleiteadas pelo Bacen, 200 são para a carreira de analista e 20 para procurador; desta vez não foi contemplado o cargo de técnico. A solicitação anterior era de 800 postos para analista, 150 para técnico e 40 para procurador.

Aumenta cada vez mais a expectativa para que seja realizado em breve o novo concurso do Banco Central devido à sua grande defasagem de pessoal. Atualmente, existem mais de 2.000 postos vagos, sem contar com as futuras aposentadorias, ou seja, cerca de 36% do quadro de pessoal do Bacen não está preenchido. O déficit total é de 2.356 servidores, sendo 1.944 analistas, 289 técnicos e 123 procuradores - vale ressaltar que o número pode sofrer alterações a qualquer momento.

A função de técnico, não está mais no pedido, se destina aos profissionais que concluíram o ensino médio em instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e oferece salário inicial de R$ 6.463,44.

Já os postos de analista de procurador aceitam candidatos com formação superior em diversas áreas de atuação - neste caso, os vencimentos correspondem a R$ 16.286,90 e a R$ 17.788,33, respectivamente.

ANALISTA DO BANCO CENTRAL DO BRASIL:

ATRIBUIÇÕES: ao cargo de Analista do Banco Central do Brasil correspondem as atribuições previstas no artigo 3º da Lei nº 9.650, de 1998, a seguir especificadas: I – formulação, execução, acompanhamento e controle de planos, programas e projetos relativos a: a) gestão das reservas internacionais; b) políticas monetária, cambial e creditícia; c) emissão de moeda e papel-moeda; d) gestão de instituições financeiras sob regimes especiais; e) desenvolvimento organizacional; e f) gestão da informação e do conhecimento. II – gestão do sistema de metas para a inflação, do sistema de pagamentos brasileiro e dos serviços do meio circulante. III – monitoramento do passivo externo e a proposição das intervenções necessárias, e outras.

REQUISITOS BÁSICOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior, em qualquer área, fornecido por instituição de ensino superior autorizada ou credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). 

ETAPAS DO CONCURSO: Os concursos do Bacen não têm uma organizadora específica, sendo o último realizado pela principal banca do país, o Cespe/UnB, e demais pela Fundação Cesgranrio, Escola de Administração Fazendária (Esaf) e Fundação Carlos Chagas (FCC). As seleções compreendem prova objetiva e discursiva. Além desta etapa, há também avaliação de títulos. Já a segunda etapa do concurso consiste de Programa de Capacitação, exigindo dos candidatos um altíssimo nível de preparação e um estudo pré-edital de muita dedicação.

PROCURADOR DO BANCO CENTRAL DO BRASIL:

ATRIBUIÇÕES: Ao cargo de Procurador do Banco Central do Brasil correspondem as atribuições previstas na legislação pertinente, em especial aquelas de que trata o art. 4º da Lei nº 9.650, de 27 de maio de 1998, quais sejam: 

I - a representação judicial e extrajudicial do Banco Central do Brasil; 
II - as atividades de consultoria e assessoramento jurídicos ao Banco Central do Brasil; 
III - a apuração da liquidez e certeza dos créditos, de qualquer natureza, inerentes às suas atividades, inscrevendo-os em dívida ativa, para fins de cobrança amigável ou judicial; e 
IV - a assistência aos administradores do Banco Central do Brasil no controle interno da legalidade dos atos a serem por eles praticados ou já efetivados. 

REQUISITOS BÁSICOS: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior de bacharelado em Direito, fornecido por instituição de ensino superior credenciada pelo Ministério da Educação (MEC), Inscrição na OAB e comprovação de, no mínimo, dois anos de prática forense.

ETAPAS DO CONCURSO: A avaliação dos candidatos foi por meio de teste objetivo, inscrição definitiva, provas discursivas, exame oral e análise de títulos. A taxa de inscrição teve o valor de R$ 190,00 e contou com as seguintes etapas:
  • Prova Objetiva (duração de 5h) – Eliminatório e Classificatório;
  • Inscrição Definitiva – Eliminatório;
  • Prova Discursivas I – Eliminatório e Classificatório;
  • Prova Discursivas II – Eliminatório e Classificatório;
  • Prova Discursivas III – Eliminatório e Classificatório;
  • Prova Oral – Eliminatório e Classificatório;
  • Avaliação de Títulos – Classificatório;
  • Curso de Formação – Eliminatório e Classificatório.

CONHECIMENTOS: Na prova objetiva, serão avaliados, além das habilidades, conhecimentos, conforme especificação a seguir: 
  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Econômico;
  • Direito Financeiro e Direito Tributário;
  • Direito Civil e Direito Processual Civil;
  • Direito Empresarial;
  • Direito Internacional Público e Privado; 
  • Direito Penal e Direito Processual Penal;
  • Direito Trabalhista e Direito Processual do Trabalho; e
  • Direito Previdenciário.

DETALHES:
  • Concurso: Banco Central (BACEN);
  • Banca Organizadora: A definir;
  • Cargos: Analista e Procurador;
  • Número de vagas: 220;
  • Remuneração: Até 17.788,33;
  • Escolaridade: Médio e Superior;
  • Situação: Previsto;
  • Link dos Últimos Editais: Analista / Procurador  

Enviar um comentário

0 Comentários